Wednesday, July 15, 2009

descoberta

se voavam, invertebrados. ossos pesam. preocuparam-se todos os adultos, houve correria, e alguém afastou martina do ponto onde a grama misturava-se aos restos do passarinho morto pelos cães de guarda. achou bonito o vermelho do sangue colorindo as penas, nenhum detalhe a impressionara, mas foi a visão daquilo que mais pareciam gravetos brancos que fez martina chorar. não chocada, mas impactada pela descoberta. tinham ossos, as aves. sentiam dor. quebravam. a inconsciência de criança mantém martina alheia às especulações - nada de detalhes sobre a morte. mas porque são precoces aos seis anos as meninas, preocupou-se martina com os filhotes, que agora piavam sem pausa de algum lugar do telhado. quem vai alimentá-los? morrerão de fome? se minha mãe é morta, ninguém me cobre de madrugada. talvez congelem.
acomodada na cama, martina sonha com um ninho feito de folhas secas e crina de cavalo. conta cinco bicos abertos, e o que se escuta é música. quando coloca as mãos sobre as avezinhas, percebe seus dedos esquentarem até sentir calor. são os ossos, martina, diz um dos filhotes de bico aberto. com eles nos aquecemos, por eles sobrevivemos. nós, passarinhos, somos mágicos.

9 comments:

Anonymous said...

Fica bem melhor pra ler com letra maiúscula no começo dos paragráfos. Você sabe disso, mas deve ser teimosa...rs...
PS: A atual do Facebook é uma das suas melhores fotos (entre as que vi, claro).

Anonymous said...

Em tempo: "parágrafos".

Rogério/Ruy said...

Que texto bonito. Adorei, de verdade. E também gosto das letras minúsculas -de algum modo, combinam com o tom meio em surdina do texto. Um beijo, querida.

A. Alves said...

nossa, há quanto tempo vc não postava nada.

leve e belo, como sempre!
saudades - de você, de seus textos, das fotos do pequeno Teo. ele deve estar absurdamente lindo *.*

beijos jornalista :)

Anonymous said...

Prefiro as fotos que não escondem seu rosto. Uma pena, a troca.

milla said...

marcella, amo teu blog! pena que tu escreves tão pouco aqui...

Aline said...

Adoro seu blog, adoro as letras minúsculas! Te linkei:
http://pontocaos.blogspot.com

Beijo!

poemas e prosas said...

Gosto muito dos seus textos parabéns
quando puder dá uma passada no meu blog
obrigado

Rih Lopes said...

oie, vim aqui pq li sua matéria na Revista Bravo, e realmente, suas palavras são ótimas! Parabéns